domingo, 10 de junho de 2012

Como fazer sucesso com a classe média


POR JOSÉ ANTÓNIO BAÇO
O Chuva Ácida sempre convida os seus leitores (os que não são anônimos, claro) para escrever textos. Mas tem gente que sofre da tal síndrome da folha em branco (ou a tela do computador em branco) e acha difícil escrever. Por isso, arrisco dar uma fórmula eficaz aos nossos leitores.



Dica 1 - Fale mal de Dilma e dos ministros que não param de cair. Diga que são todos corruptos (nem precisa ter provas). É tema de sucesso garantido entre as classes médias que lêem jornais ou blogs.
Dica 2 - Falar mal de Lula é garantia de leitura. Meta o dedo na ferida: Lula não fez faculdade. Ironize, achincalhe e diga que é uma vergonha o Brasil ter um sem-diploma como presidente.
Dica 3 -  Fale mal da esquerdalha que tomou conta do poder na América Latina. Chávez, Morales, Correa. Faça piada com o populismo dessa gente. Não tem erro.

Dica 4 - Pegue numa frase feita e destrua a nossa auto-estima. "O Brasil não é um país sério", "coisa de brasileiro", "eta povinho", por exemplo, é receita certa. Culpe o governo, culpe os políticos, culpe os brasileiros. Todos são culpados menos você, que está heroicamente a escrever um texto (é fazer algo,afinal).
Dica 5 - Se for de Santa Catarina, mostre respeito pelos velhos caciques e oligarcas. Elogie. Puxe o saco sem pudor. Diga que são velhas raposas. Atenção: nem pense em dizer que são uns tipos pouco escrupulosos que fazem tudo pelo poder. Ah... e omita dizer  que alguns estiveram ligados à ditadura.
Dica 6 - Incorpore o paladino da ética e da moral. Seja agressivo. Diga que está indignado com toda essa bandalheira (não precisa especificar, há bandalheira em todos os lugares). Use palavras fortes como "lixo", "nojo", "repugnância" etc.
Dica 7 - Lance um slogan. Proponha coisas do tipo "não reeleja". É uma ideia totalmente idiota, mas os slogans são mera publicidade e não estão sujeitos à verificação.
Dica 8 - Não é preciso estudar, ler, pesquisar. Simplifique. Veja apenas a revistona semanal e tire de lá os seus argumentos. Podem ser pura balela, mas o povo acredita e gosta.
Dica 9 - Falar mal de integrantes dos movimentos populares é tiro certo. Use termos como baderneiros, invasores, criminosos, terroristas. Falar mal dos sem-terra é garantia de êxito.
Dica 10 - Culpe os políticos por tudo. Diga que são todos iguais. Ninguém vai perguntar se você, alguma vez na vida, levantou o traseiro da cadeira para tentar mudar as coisas a sério. Afinal, como já foi dito, você está escrevendo um texto para denunciar toda essa sacanagem. E isso é fazer muito.


DICAS DOS LEITORES

Dica 11: Fale mal de Jonville, diga que é uma "vila", que é cidade pequena, de gente atrasada e que Curitiba é o que há. Não tem erro.
Dica 12: Diga que Joinville é uma cidade cosmopolita que mantém as suas tradições.
Dica 13: Eike Batista perdeu 1 bilhão em 24 horas, a Busscar foi para o saco de vez, a Construtora tal tá mal das pernas, a empresa do candidato também, o Chavez e Castro tem 2 meses de vida, e por aí vai. A classe média adora a desgraça alheia.

47 comentários:

  1. Tem“ historiador“ que faz isso todo domingo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Respeito Sandro. Tu não vai querer avacalhar o maior intelecutal de JOiville. Abestadinho do PT

      Excluir
  2. A voz da "classe média" é a voz de Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. os pobres, os miseráveis, os sem teto, os ricos , os milionários tb ñ são a voz de Deus?

      Excluir
    2. Somente Deus poderia responder.

      Apenas adaptei o ditado popular que diz que a voz do povo é a voz de Deus, significando que o desejo do povo é o melhor. Como recentemente o governo declarou as pessoas com renda superior a R$1000 pertencentes a classe média são estes os legítimos membros do povo.

      Como pequeno burgues eu diria que as dicas agradam o povo (classe média) porque assemelham-se a suas aspirações e opiniões, mas não sei se Baço concorda

      Excluir
  3. A propósito Baço, como eu faço para enviar um texto para vocês?? Me passa o e-mail pra eu enviar o texto.

    ResponderExcluir
  4. E do Carlito do PT? Pode falar? Ou é sacrilégio? Coisa da classe média? Então em sua opinião falar mal da sua esquerda é coisa da classe média? Mas, acho que em Joinville, (eu disse Joinville, e não em um vilarejo do além mar)temos um fenomeno. Aqui, as classes A, B, C, D, E, F, G, H, I ....falam mal do PT de Carlito Merss. Ou será um milagre do PT, que conseguiu deixar homogenea a sociedade joinvilense?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viu como é fácil? Tu levas jeito para a coisa: acabas de produzir um texto capaz de fazer sucesso entre a classe mediana. E não te preocupes porque eu não vou cobrar pelas dicas.

      Excluir
    2. "Aqui, as classes A, B, C, D, E, F, G, H, I ....falam mal do PT de Carlito Merss."

      Isto é verdade... uma grande verdade.

      Excluir
    3. Mas falta assinar. Se quiser um pseudônimo, Anônimo, pode ser Reinaldo Azevedo.

      Excluir
    4. Por que Reinaldo Azevedo? Não entendi.

      Excluir
  5. E a classe média tem os seus ídolos também. Os livros de cabeceira são as biografias de Steve Jobs, Eike Batista e Mark Zuckerberg. Inspiração!

    ResponderExcluir
  6. Publicitários, olha aí uma ótima dica de marketing.

    Coloque subliminarmente o seu produto junto de uma das dicas, terá um ótimo alcance.

    ResponderExcluir
  7. Um profissional...sempre segue o mesmo script...e é por isso q vc sabe das coisas...a pergunta é: se o segredo do aprendizado é a repetição... (e essa é uma tatica esquerdista bm praticada...mesmo q seja a mentira..)será q os textos na forma como vc delineou em suas dicas para o sucesso...não estão nos querendo dizer algo...q temos q mudar tudo nesse país?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não precisa mudar tudo. Tem apenas que evoluir para uma democracia a sério. É uma questão de tempo, mas ainda tem muita gente a atrapalhar.

      Excluir
  8. Dica 11: Fale mal de Jonville, diga que é uma "vila", que é cidade pequena, de gente atrasada e que Curitiba é o que há. Não tem erro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se Curitiba é teu paradigma, só lamento! Aliás, ter Curitiba como referência de desenvolvimento é algo bastante típico na "vila" Joinville.

      Excluir
    2. Deu certo Baço!!!

      Valeu!

      Excluir
  9. Vou escrever um texto pra vocês, obrigado pelas dicas. hehehe! :)

    ResponderExcluir
  10. Falar mal do Carlito é a melhor das dicas. Só os integrantes deste Blog e os comissionados discordam.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qtos processos mesmo o Carlito está respondendo? Ham?

      Excluir
    2. Se não me engano semana passada, por exemplo, ele foi condenado a pagar uma multa por propaganda antecipada.

      Excluir
  11. Dica 12: Diga que Joinville é uma cidade cosmopolita que mantém as suas tradições.
    Maikon K

    Ps: Mas aí, vale pra quem é de "esquerda" tbm. hehehe

    ResponderExcluir
  12. Acordei hoje com uma dezena de problemas dificeis ,li texto,meus problemas se acabaram.#Mandou muito bem

    ResponderExcluir
  13. Lamparinas vermelhas do Carlito, buracos do Carlito, Enchente do Carlito, Praça que não é praça do Carlito, secretário preso do Carlito (Marcos Schoene), aumento da passagem do Carlito, Greve dos servidores de 40 dias do Carlito,fabrica de multas (Conurb) do Carlito, Marinete Merss do Carlito,mentira da dívida dos R$ 100 milhões do Carlito, etc... Tá bom assim?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Outro que pegou a manha fácil... Viu? Não requer prática nem habilidade.

      Excluir
    2. Buracos do Carlito, muitos são herança...enchente do Carlito: bem menores q anteriores...aumento da passagem do Carlito: bom saber q nunca antes na história desse município as passagens haviam aumentado...fábrica d multas da conurb: qdo foi mesmo q a conurb começou a multar???

      Excluir
    3. Hua hua hua hua hua. Não disse! Logo vinha um estrela fumegante culpar a gestão anterior.

      Excluir
  14. Ou seja, uma pitada de Reinaldo Azevedo, outra de Diogo Mainardi, um cadinho de Olavo de Carvalho, e se quiser dar um ar de respeitabilidade acadêmica, pequenas porções de Demétrio Magnoli e Felipe Pondé.

    Porra, Baço, você fica a nos dever uma receita original. Esta foi pura gororoba com restos de ontem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas é um "Restôo Dontè"... que tem um charme de haute cuisine.

      Excluir
  15. outra coisa também é considerar esquedopatas, petralhas, vagabundos, hipócritas e afins gente que faz músicas como essa: http://www.youtube.com/watch?v=d8O0Zk5N-e8 :)

    ResponderExcluir
  16. Dica nº 13: Eike Batista perdeu 1 bilhão em 24 horas, a Busscar foi para o saco de vez, a Construtora tal tá mal das pernas, a empresa do candidato tbém, o Chavez e Castro tem 2 meses de vida, e por aí vai. A classe média adora a desgraça alheia.

    ResponderExcluir
  17. Passando por aqui, depois de umas férias longe dos Blogs. Desculpa, Baço, a minha ignorância, mas, não entendi o porquê de "classe média"...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De fato, estou a falar da "pequena burguesia" (as classes médias que aspiram os valores da burguesia), termo do jargão marxista - e não marxiano. Mas se eu escrever "pequena burguesia" as pessoas não se reveem no conceito e acham que não é com elas. Expliquei, Nico?

      Excluir
    2. É, agora melhorou. Pensando bem "burguesia" é um termo que anda meio perigoso de ser usado, não é? Há muito tempo, quando os atuais governantes ainda eram oposição, se autoproclamavam arautos da ética na política, os únicos seres ungidos com a santa tarefa de varrer a corrupção, a imoralidade, de ferir de morte e eliminar os "caciques e oligarcas" da vida pública, isso era "doença" de um grupo de privilégiados, da tal "elite branca de olhos azuis" que precisava ser combatida a qualquer custo. Agora se sabe que essa elite era tão perversa, mas tão perversa, que acabou contaminando os atuais governantes, os ex-puros, que pouco reclamaram, diga-se. Ao contrário, deixaram pra lá e entraram na suruba - Sarneys, Barbalhos, Calheiros, Collors e outros assombros morais que o digam.
      Tens razão, Baço, melhor mesmo usar outro termo, e "classe média" cai como uma luva, já que, no fundo, é a "massa de manobra" que ri, apanha e paga a conta... antes pagava da "burguesia", digamos, original. Agora paga a da original e a da genérica, que se transformou numa espécie de burguesia do capital alheio.

      Excluir
    3. A burguesa joinvilense é aquela égua do documentário da Geane, ou estão falando de outra ?

      Maikon K

      Excluir
  18. Na minha modesta opinião o BAÇO é aliado do LULA , aquele ignorante que distribui bolsafamília, deve ser também aliado destes ministros e adora a Ideli !!! Realmente conforme DeGaulle Brasil não é um país sério , conforme o cara da Fifa devemos levar um pé no traseiro !! Eu mesmo gosto é do Bornhausen , EU SOU DA VELHA ARENA , da DIREITA , Do Família e Propriedade , e esse tal do BAÇO falando mal da minha direita progressista !!! afinal esse tal de BAÇO $#%#%@$#%$%@@*&¨@ "nem pra síndico eu quero" !!!! afinal de contas eu tava lendo no chuvaácida , que essas pessoas sofreram de discriminação por causa do seu estrangeirismo ou foram xenofóbicas ,,, ah sei lá , li no blog !!! nem entendi mesmo mas deve ser verdade!
    nesta cidade pequena que parece uma vila cheia de tradiçoes alemãs , as ONG e os politicos são culpados de tudo !
    e depois que o Eike Batista perdeu grana , que o Mark (maior intimidade) perdeu milhões com o Face acho que vou seguir o guru BAÇO !!!

    hehehehehe Vou ser o CARA da Classe média (aquela té mil real)

    ResponderExcluir
  19. DICA 14 - colocar a culpa no passado , da ditadura , das oligarquias e o mais importante na GESTÃO ANTERIOR !!!

    tadinha da Dilma vai colocar a culpa em quem ???

    ResponderExcluir
  20. qui nada , o chic no urtimo é a internacional Balneário Camboriú !!!

    sds
    du grego

    ResponderExcluir
  21. É isso mesmo? A esquerda lulista então empina o nariz e debocha das críticas? Clássico! Sempre achando que não precisam responder nenhuma acusação e nenhum argumento. Basta essa pose de superioridade fingida cheia de clichês dignos do mais patético militante esquerdista. A esquerda petista poupa-nos um esforço enorme assim, desmoralizando a si própria.

    ResponderExcluir
  22. Rafael Dias... PARABÉNS!!!

    Achei seu comentário FANTÁSTICO.

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem