terça-feira, 13 de junho de 2017

Semana do Cuca é um ideia de xênio!

POR BARON VON EHCSZTEIN
Guten Morgen, minha povo.

Oxe tem cuca com banana na frühstück. É dia de comemorrar mais esta grande iniciativa da nossa querrida prefeito: o Semana Municipal da Cuca. E teve até assinaturra oficial, com direito a fotografia e tudo. Agorra foceis, minhas leitorres (todas as três), já têm uma compromisso a partir da primeirro final de semana da mês de Xunho. Wer zuerst kommt, der mahlt zuerst.

Fiquei muita feliz. Porque o cuca é o símbolo do nossa tradiçón cultural. Eu disse "nossa". Ou seja, tradição do povo de pele clarrinha, olhos assuis e muitos consoantes na sobrenome. Até acho que não devia chamar “cuca”, porque parrece coisa daquela xente de pele mais escurrinha. Ficava melhor se fosse a Semana do Streuselkuchen, como chama lá no Alemanha.

É um acontecimento parra levar a sérrio. Tenham uma bom apetite. Lass es euch schmecken! Por falar nisso, a nossa querrida prefeito mostrou que tem apetite pelo modernidade. E pelo inovaçón. Xenial. Quem terria pensado numa coisa tão brilhante como o Semana da Cuca? Xente, fico aqui a imaxinar o tantón de turrista que vai aparecer em Xoinville só por causa disso.

Esdou tón feliz que tamém querro entrar na onda. Fou parra o cossinha e criar uma tipo de cuca inspirrada na nossa querrida prefeito: o cuca Ruas de Xoinville. É igual aos outros cucas, só que está cheio de burracos. Tem mais burracos que massa. Igualzinho os ruas da citade. Aposto que vai fazer muita sucesso, porque a pessoal já acostumou e nón fai se importar com uma burraco no estômago.

Mas tem uns kommunisten que nunca estão satisfeitos e já começarram a chatear a nossa querida prefeito. "Nón querrenos semana de cuca, querremos saber de culturra e turrismo", ficam a repetir. Suas kommunisten ingratos. Acha mesmo que algum xestor vai querrer investir em culturra e turrismo quando tem cuca? Ah ah ah! Abwarten und Tee trinken. Esperre e beba um chá. Porque que nón vai acontecer.

Guten appetit.

11 comentários:

  1. Alemão preconceituoso!

    ResponderExcluir
  2. Rodrigo Tomaselli13 de junho de 2017 10:52

    Baço, você está coberto de razão! Como é que o prefeito pode pensar em fazer qualquer coisa na cidade antes de resolver o problema dos buracos? Aliás, algo que sempre foi comum em Joinville e que prefeito algum foi capaz de resolver e que tende a piorar com o aumento da cobertura asfáltica na cidade.

    Há também problemas com saúde e educação também, que acredito serem mais importantes do que o problema dos buracos.
    Mas, a municipalidade tem que tratar apenas um assunto de cada vez? Ah, lembrei, o prefeito faz tudo sozinho, né? A prefeitura tem quantos servidores mesmo?

    Sim, a cuca é uma comida típica de Joinville. Dever-se-ia fazer o que? A semana da buchada de bode? A semana do jabá de jagunço? Certamente essas são devidamente lembradas em seus locais de origem.

    Agora, as insinuações racistas que você fez foram completamente inconvenientes.
    O racismo é um problema sério que não deveria ser usado levianamente como você fez!

    Odiei o texto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como sabes que fui eu? O fato de publicar o post não significa que seja de minha autoria...

      Excluir
    2. Rodrigo Tomaselli16 de junho de 2017 08:29

      Ok, então não foi você!
      Contudo, tornou-se cúmplice por dar espaço a um texto preconceituoso.
      Já vi vários colunistas do Chuva Ácida abrindo espaço àqueles que possuem ideias e opiniões divergentes. Por que você não abriu espaço ao autor então para que o texto fosse publicado no nome dele?
      Esconda-se agora o preconceito de alguns textos atrás de pseudônimos!

      Ainda assim, continua sendo preconceito. E isso é crime!

      Excluir
    3. 1. Tens a certeza de que entendeste bem a coisa? O Barão é um personagem fictício. Um estereótipo.
      2. Que crime?

      Excluir
    4. Rodrigo Tomaselli16 de junho de 2017 09:46

      Sim, entendi que o Barão é um personagem. Provavelmente mais um alter ego.
      Alguém fala por ele. E quem fala por ele coloca em sua boca palavras preconceituosas, estereotipando e ridicularizando o imigrante que deu origem à Joinville.
      O crime é racismo. Por duas vias:
      1) Pela ridicularização dos nossos ancestrais.
      2) Por generalizar o preconceito em todos eles.
      Concordo que muitos eram e ainda são. Mas não é possível a generalização.

      E ficar usando o racismo de forma leviana, como foi feito, nada acrescenta.
      Vide os comentários que o chamaram de preconceituoso, Baço.

      Percebo sua dificuldade de identificar o crime. É que quando o racismo está disfarçado em um personagem, nesse caso branco, fica difícil né?

      Excluir
  3. Preconceituoso escroto.
    Tinha que ser portugues.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Preconceituoso escroto... tinha que ser português".
      Peraê! Não vês nenhum preconceito nesse teu comentário?
      Ih ih ih...

      Excluir
  4. Gente vem lavar roupa suja, por aqui que feio isto, isso vai ficar feio para turismo, esta troca de farpas, cuca vai trazer toda família de visconde de sabugosa, e personagens do Sitio, inclusive saci perere para colorir nossa cidade, vai vir também queijeiros da suíça pra criar formula de tampar os furos da prefeitura, alinhando com food truck que nobre vereador fez lei. Mais pessoal vai ficar perdido não somente nas cucas e tem mais alguma coisa pra fazer por aqui xoinville, esse vai ser grande evento da cidade fora festival de dança, tem feirão de automóveis, esta sem criatividade nossa gente!! Alemon são tão primeiro mundo nossa cidade esta caminhando pra isso!! Tem gente que tem preconceitos defendendo grande geston!!

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem