terça-feira, 20 de junho de 2017

A internet dos objetos vai mudar a sua vida. E muito...



POR LEO VORTIS

A Internet dos Objetos (IoT- Internet of Things) é o casamento do objeto material com a tecnologia imaterial das plataformas digitais. Ou seja, as tecnologias de informação tomam corpo físico. É um processo pelo qual os objetos estão ligados em redes digitais, seja em casa, no trabalho ou na rua. Não se trata apenas de ligar pessoas a objetos, mas também de ligar objetos a objetos.

Os países desenvolvidos trabalham no desenvolvimento dessas soluções. A Comissão Europeia, por exemplo, há anos desenvolve um programa nessa área, o Internet of Things Europe130, que se apresenta sob o slogan “Part of Our Future” e anuncia aplicações infinitas, sempre com a promessa de um mundo melhor.

A campanha de publicidade desenvolvida para divulgar a ideia mostra exemplo práticos de como seria o mundo se tudo estivesse em rede. Fazer uma melhor gestão do dia a dia. Fugir da confusão do tráfego. Não perder tempo na fila do médico. Ter uma geladeira que avisa quando falta algum produto. Ter um carro que, quando sofre um acidente, avisa imediatamente os serviços de socorro. Um personal trainer no celular para melhorar o desempenho desportivo. Ou mesmo uma bengala capaz de indicar o caminho a um cego.

Muitas dessas coisas já existem, apesar de não estarem popularizadas. Esse mundo idílico prometido pelos objetos de alta tecnologia e em rede não gera contestação. O otimismo é tanto que alguns pesquisadores preferem falar num Segundo Renascimento. É apenas uma questão de tempo até que essas soluções estejam presentes nas nossas vidas. E muita coisa vai mudar. Fiquem ligados. O filme a seguir mostra situações práticas que serão comuns dentro de pouco tempo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem