quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Meus pêsames!


6 comentários:

  1. Está certo: A saúde em primeiro lugar. Depois a educação e o esporte, já que no Brasil parece ser difícil os três andarem juntos. O que seria a coisa mais natural. Não, não é fácil! A gente até aguentava se fosse um país de miseráveis. Mas pela QUANTIDADE que se rouba, é difícil engolir isso tudo. E a gente impotente diante de tudo isso. Daí alguém vai dizer que temos uma ferramenta nas mãos: O voto! E daí, se colocamos um político sério, temos cem dentro do balaio que estão podres e se não contaminam o bom, acabam por eliminá-lo.
    Stefana

    ResponderExcluir
  2. A charge é interessante principalmente pelo trocadilho.
    Embora todos estejamos tristes em não receber os JASC que ha 21 anos não se realizam aqui, acho que devemos aproveitar o momento para algumas reflexões.
    É uma pena que não tenhamos os jogos aqui. Mas ao mesmo tempo, estamos finalmente tomando conhecimento da situação real do setor esportivo da nossa cidade, e de outros tambem. Total abandono e sucateamento.
    E temos que aceitar tambem que esse descalabro não aconteceu do dia primeiro de janeiro para cá. Para se chegar à esse resultado vergonhoso, foram necessários muitos anos de péssima administração, irresponsabilidade e muito dinheiro jogado fora. E não me refiro só ao ex-prefeito Carlito. O menos culpado dessa situação é o prefeito Udo, que está começando agora a colocar ao menos um pouco de ordem na casa. E o faz com muita responsabilidade e coragem, visto que nenhum político gosta de tomar uma decisão dessas. Se o fez, é porque tem os pés no chão e ao que parece, não está disposto a mais bravatas. E acho que o povo joinvilense também está cansado delas.
    É hora de reconhecer que, apesar do sempre conveniente discurso do "somos os maiores e mais ricos", nossa situação de penúria finalmente está sendo exposta.
    E a partir desse reconhecimento poderemos colocar mãos à obra e quem sabe voltar a merecer o epíteto acima (pessoalmente nunca gostei dele), que na verdade sempre foi usado para massagear nosso ego, enquanto a cidade ia de mal a pior.
    Nesse contexto portanto, meu caro Sandro, eu diria: Parabéns Joinville e prefeito Udo. Por um novo recomeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sandro- O excomungado14 de fevereiro de 2013 15:10

      Obrigado,Nelson Jvlle...mas o papa não me perdoou e continuo excomungado!!

      Excluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. tá certo... fazendo uma comparação, eu não conheço sequer uma pessoa sã e lúcida que esteja ruim de grana e que ofereça um baita dum churrasco para a vizinhança!

    só não pode parar de investir nos atletas do município.

    ResponderExcluir
  5. Se fechasse a felej e deixasse só a administração da arena, seria exatamente o cenário atual.

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem