terça-feira, 9 de outubro de 2018

7 em cada 10 joinvilenses querem casar com o fascismo

POR JOSÉ ANTÓNIO BAÇO
Eis um tema para reflexão. 72% dos joinvilenses votaram em Jair Bolsonaro. Isso quer dizer que há a probabilidade – muito concreta, diga-se – de 7 em cada 10 dessas pessoas serem fascistas. É um número brutal, mas não vamos pôr a todos no mesmo saco. De tudo o que sabemos sobre  Joinville e a sua história, é possível dividir os eleitores do candidato da extrema-direita em pelo menos quatro grupos.

1.     Os que são mesmo fascistas. E, arrisco dizer, devem ser a maioria.
2.     Os que, não sendo propriamente fascistas, namoram as ideias do fascismo e até acham que uma suspensão temporária (pode ser longa) da democracia é o que o Brasil está a precisar.
3.     Os cínicos, que por interesses pessoais e razões táticas (o ódio ao PT, por exemplo), estão numa relação aberta com o fascismo. Mas não têm a pretensão de casar porque sabem que o fascismo para a vida toda é loucura.
4.     E as virgens. Dizem que 60% dos eleitores de Bolsonaro são jovens entre os 16 e 34 anos. É gente que, pela idade, nunca experimentou um regime autoritário e acha o discurso fascista uma coisa sexy. Há muito tesão, ingenuidade e a falta de juízo típica da juventude.

Mas todos têm uma coisa em comum: o apego ao discurso autoritário, violento e moralizador (apesar de que a moral é sempre discutível). Os joinvilenses, em sua maioria, não têm tradição de intervenção política e limitam-se a votar. É tentador, portanto, entregar o próprio destino nas mãos de um líder que pareça sólido. E Jair Bolsonaro, em que pese a sua extrema burrice, conseguiu construir essa imagem. Isso sim é a construção do mito.

O fascismo é um movimento de massas que precisa de um apoio social transversal. Só é eficaz se juntar os opostos – ricos e pobres, por exemplo – à volta de um líder carismático,  mesmo que o carisma seja construído de forma artificial, como é o caso. Não é despiciendo lembrar Max Weber e o conceito de dominação carismática, que assenta na crença de que o líder tem qualidades superiores. Bolsonaro não tem, mas não vem ao caso.

A seguir a senda weberiana temos uma condição: o líder deve ser visto pelos seguidores como alguém acima da média, quase sagrado e a sua imagem deve emanar algo “heróico”. Tal líder é alguém imune ao erro. Ora, não precisa ser verdade – Bolsonaro é a encarnação do erro – porque estamos a tratar de um jogo de sombras. Não importa a realidade, mas a criação de uma percepção. E esse trabalho foi feito.

As massas gostam da ideia do pai autoritário e protetor a dizer o que elas devem fazer. Perfeito. Duro. Implacável. Os momentos de crise, de ressentimentos e de impotência são perfeitos para abrir o caminho para o autoritarismo. No Brasil destes dias, tudo conjumina a favor dos projetos fascistas. A economia de pantanas. O desemprego galopante. A criminalidade desenfreada. A falta de esperança no futuro. A cultura do ódio.

Aliás, este último fator é essencial para o sucesso dos projetos autoritários. É imprescindível ter um inimigo palpável, visível e identificado para odiar e destruir. Hitler, por exemplo, elegeu os comunistas como principal inimigo a abater. E a história se repete. No Brasil, o inimigo é o PT. Nem é preciso lembrar a (des)construção da imagem do partido feita ao longo dos últimos anos. Com o Supremo com tudo.

Em Joinville, a coisa funciona na perfeição. É uma cidade condicionada pelo delírio da ética (protestante) do capitalismo e nunca escondeu o ódio pelas esquerdas e pela ideia de liberdade. Porque as pessoas não sabem o que fazer com as liberdades. É um peso ter que decidir. O conservador acredita na ordem imutável das coisas. Para que falar de aborto, da questão sexual, de racismo, de xenofobia, de eutanásia? Há o medo de que temas fraturantes fraturem ordem “natural” da vida.

Enfim, estruturalmente os joinvilenses são conservadores e muitos adoram um bom fascismo. É namoro para dar em casamento. Não vamos esquecer que a cidade deu uma vitória retumbante a Aécio Neves nas últimas eleições. E a Serra nas anteriores. Portanto, da próxima vez que estiver entre um grupo de joinvilenses fique atento. É bem provável que entre 10 pessoas 7 não se importem de vê-lo pau de arara.  Isso se você não for uma dessas pessoas, claro.

É a dança da chuva.

53 comentários:

  1. Se um eleitor que não deseja depositar o seu voto numa QUADRILHA CRIMINOSA ONDE O CANDIDATO VAI BEIJAR A MÃO DE UM CRIMINOSO ENJAULADO é, na sua visão entupida e, aí sim, FASCISTA, é chamado de “fascista”, recebemos essa pecha com muito orgulho.

    “Não passarão!”
    Não é essa a palavra de ordem dessa esquerda criminosa que vai as ruas? Pois é, PT e sua quadrilha criminosa “não passarão”.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diz aê. Além de odiar o PT, o que mais você faz na vida?

      Excluir
  2. Tá putinho da vida, Baço?
    Oin...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa. Faz 36 horas que não durmo de tão preocupado.

      Excluir
  3. Fascistas, fascistas, fascistas, fascistas,... chaaaaaaaato!
    Muda o disco! Tá feio isso!

    ResponderExcluir
  4. Baço, você diz que o Joinvilense é fascista, simplesmente porque optou em votar massivamente no candidato opositor aos teus ideais. Ao você rotular essa cidade (que apenas se expressou democraticamente) com um termo pejorativo feito esse, você está se declarando xenófobo?

    Quando Joinville apresenta expressiva votação em Bolsonaro, Aécio ou Serra, ela se torna uma cidade fascista ou simplesmente uma cidade que é contrária a ideologia do PT?

    Haddad e o PT já declararam que a Venezuela vive na mais plena democracia! Baço, você acha que o Maduro é democrático ou é fascista?

    O que você tem a dizer sobre o candidato do PT, chamado de poste, que se reúne periodicamente com um criminoso preso, para receber instruções de campanha?

    E o que você tem a dizer sobre esse mesmo candidato do PT, que se eleito for, irá dar indulto ao seu chefe criminoso e chamá-lo para compor sua equipe de governo?


    HGW XX/7

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Venezuela, PT... vai chupar uma rola, pá!

      Excluir
    2. Bolsonaro, Joinville, fascistas... tenha um bom dia!


      HGW XX/7

      Excluir
    3. Discurso do candidato que se diz cristão: a favor da tortura, de matar uns 30 mil vão morrer uns inocentes..., a Dilma pode morrer hoje de infarto ou de câncer, eu não te estupro porque você não merece, eu não te estupro porque você é muito feia, eu estava solteiro na época e usei o dinheiro do auxílio moradia para comer gente, como não havia mulheres se fazia sexo com animais, o negro mais magro pesava 7 arrobas e nem para procriação servia, sobre os restos mortais dos mortos no Araguaia: quem procura osso é cachorro, meu filho não namoraria uma negra pois foi bem educado, prefiro um filho morto que um filho gay. Votação do candidato que se diz cristão: a favor das reformas trabalhistas, contra a lei que proibia a contratação de parentes no serviço público (nepotismo), a favor do congelamento de gastos por 20 anos que diminuirá recursos para saúde, educação e segurança. Realmente é preciso ter muito ódio ao PT para votar num candidato assim ou então gostar tipo de atitude ou fala, nesse último caso o sujeito é mesmo um fascista.

      Excluir
    4. Entendo o teu ponto de vista, Juarez. Mas deves considerar que essa gente se informa pelo Whatsapp... não há hipótese.

      Excluir
    5. Chama ele de corrupto, porra!...

      Tic, tac, tic, tac, tic,...zzzzzzzzz...

      Excluir
    6. Lembra dos 200tão da JBS? Isso não foi corrupção. Nããããão. Nem pensar.

      Excluir
    7. Bolsonaro aparece na Lista de Furnas; recebeu dinheiro da JBS; recebe auxílio moradia "pra comer gente" tendo imóvel próprio; sonegou informações sobre seu patrimônio à Justiça Eleitoral; empregou o irmão como funcionário fantasma; manteve uma assessora paga com dinheiro publico para dar de comer ao cachorro; aumentou seu patrimônio e o dos filhos em mais de 500% em uma década; recebia - de acordo com uma das ex-mulheres - rendimento mensal de até 100 mil, quando o salário de deputado era de 30 mil mensais; tem ligação com as milícias no Rio de Janeiro. E isso tudo sendo do baixo clero porque, segundo o próprio Bolsonaro, se ele fosse um político que ocupasse altas posições (como o de Presidente da República), ele também já estaria na mira da Lava Jato. Você pode votar em Bolsonaro, mas admita que seu voto nada tem a ver com a honestidade do cara. Ele é um corrupto.

      Excluir
    8. Uma dica tira do textão de facebook só a parte de "comer gente", lembra bolsominions são machos opressores! Assim é marketing pro mito.

      Excluir
  5. “AIN, QUE ÓÓÓÓÓÓDIOOOOOOO DO COISO!”

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cuidado. Pelo que entendi ele vai caçar os homossexuais. Fica discreto.

      Excluir
  6. O atual assunto "Venezuela" é proibido aqui nesse blog?

    Um hipotético presidente, que decide passar por cima de nossas leis e indultar um companheiro de partido, condenado em todas as esferas jurídicas pode ser caracterizado como um fascista?


    HGW XX/7

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como se diz "vai chupar uma rola" em espanhol? Ajuda aí, Jordi Castan.

      Excluir
    2. Não há uma tradução literal
      o translator do google sugere: "Va a chupar una rodilla" o que evidentemente não tem o mesmo sentido.

      Excluir
    3. Como escrever "vai chupar uma rola", em espanhol?
      Jordi, acho que o Baço está querendo redigir uma mensagem pro Maduro!

      Será?... hehehehe


      HGW XX/7

      Excluir
    4. Então é "va a chupar um chorizo"

      Excluir
    5. Tudo o que o povo venezuelano gostaria é de um chorizo!... porque por lá, nem cachorro nas ruas mais existe pra "matar a grito"! Enquanto isso na Turquia, o Maduro ensebava o bigode numa churrascaria burguesa!


      "Viva la revolución Bolivariana!"...


      HGW XX/7

      Excluir
  7. José Baço não saiu ainda da lei de godwin, da discussão política. Pois ele já começa com ela quando geralmente toda a discussão termina com ela. Com o baço a discussão começa do avesso.
    Como foi ai em Portugal, a eleição para presidente? Pode comentar quem foi o mais votado?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sabes do que falas. Vou deixar passar batido.

      Excluir
    2. Se não sei o que falo, só me diz que ganhou lá em Portugal? Pq os fascistas brasileiros ainda não aprenderam civilidade na terrinha?

      Excluir
    3. Interessante. Brasileiro vive numa democracia e não aprende sobre democracia. Deve ser a explicação para o que temos...

      Excluir
  8. Para quem tiver interesse no tema.

    O Fascismo NÃO é de direita. Entenda - InfoMoney
    Veja mais em: https://www.infomoney.com.br/blogs/economia-e-politica/economia-e-politica-direto-ao-ponto/post/4249906/o-fascismo-nao-e-de-direita.-entenda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tás um perfeito Bolsominion. Defendendo as tuas posições com textos de outros.

      Excluir
    2. Umberto Eco manda lembranças. http://www.chuvaacida.info/2018/03/dicas-para-identificar-o-fascismo.html
      Se ninguém pode usar texto dos outros, que faz esse texto, no caso vídeo aqui?

      Excluir
    3. Olha só pessoal, treta no mundo da esquerda. Até o final da eleição eles se matam.

      Excluir
    4. Porra, Fabio. Tu é mesmo burro, né?

      Excluir
    5. Desculpa Baço,não tenho esse seu brilhantismo de inventar mais uma nova falacia, és um mito, quem sabe Baço 2022 e eu sou seu CQC! Sei que não estou a sua altura mais vou batiza-la de "apelo à autenticidade".

      Excluir
  9. O “argumento” para justificar o voto das pessoas é chamando elas de fascistas. Isso já mostra que não tem argumentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas porque todos os fachos agora deram de pedir argumentos? Vocês nunca se interessaram por isso. Olha só o vosso candidato... não passa de um fujão que não tem como aguentar um debate.

      Excluir
  10. Bolsonaro é “fascista”, então seus eleitores são “fascistas” tbm.
    Seguindo essa lógica, todos os eleitores do PT são corruptos, ladrões, vagabundos e dissimulados? É assim que funciona o raciocínio BAÇO?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom. Eu dividi as mulas em quatro grupos. Qual é o teu? Ah... peraê. O grupo dos cínicos que odeiam o PT.

      Excluir
  11. Quero um artigo sobre o Luciano da Havan. O que é toda aquela galhofa?

    O governo fez muito mal a ele tadinho, está inaugurando a 115ª loja.

    Imagina se tivesse bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal, né? Nenhuma sonegação, nenhum dinheiro público, nenhum processo, nenhuma dívida, nenhuma prisão. Viva o mérito!

      Excluir
  12. Ui que revoltadinha, tu tá certo, tudo faxixtinha.... Vamos invadir uma propriedade privada, desviar mais de 200 bilhões , deixar o povo morrer a mingua, libertar bandidos, estupradores, criar o caos para o povo clamar pela intervenção do Estado. Vamos apoiar que cada vez o Estado inche mais, mais impostos, congelar nossos ganhos numa poupança durante 7 anos pra viverem de lucro e quando formos retirar o dinheiro, ele render metade do que teria rendido na poupança... Tu tá certo, o povo que está sempre entre os maiores IDHs do país não tem cognição suficiente pra discernir entre a maior quadrilha da história humana e um suposto fasista que defende o Estado minimo (??????), quem sabe votar são as pessoas humildes, analfabetos politcos e manipulaveis do Nordeste, que votam no PT porque lhes mentiram que o Bolsa Familia seria cortado..

    Tu tá certo...tu tá certo... Não sabe o significado de fascismo, mas tá certinho sim.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é o problema de escrever sobre Bolsonaro. Os palermas surgem aos borbotões.

      Excluir
  13. Baço aproveita pra escrever essas coisas enquanto não pode ser preso.
    E se essa lei passa?

    https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=132048&voto=favor

    ResponderExcluir
  14. Respostas
    1. Ai ai ai... mais que saiu direto da escola primária para a caixa de comentário do blog.

      Excluir
  15. Oque adianta vc encher seu discurso de dessas explicaçoes e quando alguém discorda de vc vc manda chupar uma rola, da pra ver o seu nível mesmo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não estou aqui para demonstrar nível, mas para demonstrar o quanto vocês são idiotas.

      Excluir
  16. O Pacheco tá descontrolado!
    O nível tá tão baixo que, como dizia Nelson Rodrigues, uma formiguinha poderia atravessá-lo com com água pelas canelas.


    HGW XX/7

    ResponderExcluir
  17. https://www.youtube.com/watch?v=wSjelkRuK8U

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpa lá. Não quero ser injusto e por isso pergunto. Tu não estás a defender o Bolsonazi com uma música da Beth Carvalho, né? Porque isso seria a mais puta das burrices, uma vez que ela é conhecidíssima por ser acérrima do PT. Explica.

      Excluir
    2. "aí vem o desespero! machucando o coração!"...

      Excluir
  18. Os Venezuelanos colocaram um militar no governo e deu no que deu. Lembrem disso antes de votar num militar.

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem