quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Santa Catarina - Estado "diferenciado" e povo mau



POR FAHYA KURY CASSINS
Como se não bastassem as previsões funestas para o país, Santa Catarina, um Estado “diferenciado” (segundo um candidato ao governo) resolveu aprofundar os maus prenúncios. Um cara qualquer, um bombeiro, foi escolhido em cima da hora para representar o partido do dito cujo no Estado, um legítimo poste. Pensando, obviamente, na tal governabilidade (aquela, da velhíssima política) o PSL lançou inúmeras candidaturas a todos os cargos, no país todo. E conseguiu o que queria.

O fato de ter o codinome “comandante” já foi um problema, porque, de fato, a patente dele é outra. Em várias propagandas tentaram tirar o “comandante” e milhares de pessoas afirmavam que votariam nele porque, sendo comandante, ele entenderia de segurança. Oi? Pois é, qual não foi o choque quando as pessoas descobriram que ele é bombeiro, sem nenhuma relação com Polícia Militar ou Civil. Mas, enfim, desinformação e manipulação são as especialidades deles.

E ao ouvir os dois candidatos dizendo que Santa Catarina é perfeito só nos resta pedir para cancelarem o pleito. Porque, vejam só, somos tão perfeitos que nem precisamos de governantes. Mandem estes dois trastes embora e nos deixem em paz. Porque não apresentaram nada concreto sobre o enrocamento e ocupação indevida do litoral, não se preocupam com o Estado ter casos graves e inéditos no país de desastres naturais, não temos problema com a falta de acesso à Educação pública de ensino superior, o desmatamento e a poluição, então, são coisas que desconhecemos. Nosso único problema, de acordo com Merísio, é fechar as contas públicas. E, de acordo com o comandante que não é comandante, bem, talvez nem ele saiba.

Com cinco minutos de propaganda eleitoral ficou claro o vazio no qual o comandante caiu. São vídeos que uma apresentação de sexto ano, sobre qualquer assunto, humilharia. É tanta frase feita e bobagem, sem estudo, sem embasamento, só querendo “atingir” todas as esferas da sociedade que demonstram a total falta de preparo. Mas, dizem, o povo quer o novo. Infelizmente, mesmo para “renovar” a política é preciso conhecimento e experiência – o que o tal bombeiro aposentado (aos 48 anos, parece) não tem.

E a provável secretária da educação num improvável governo do comandante? Aquela criatura que processou uma professora do curso de História da Udesc porque, na disciplina ministrada, foi tratado Gênero (consta da ementa) e a aluna achou que feria suas crenças religiosas. Não é assim que se faz Ciência, estúpidos. Séculos e séculos de civilização e conhecimento pra ouvirmos isso, hoje? Quando eu soube que ela se candidataria, nem dei bola (sério). Não sabia da “notoriedade” dela no campo do mundo da internet, mais uma que se promoveu com vídeos medíocres dizendo asneiras. E qual não foi a surpresa ao ver que ela elegeu-se. Eis um problema grave: estes discursos ignorantes legitimam a ação da ignorância no dia a dia. Quantos alunos, com ela à frente da secretaria, se sentirão legitimados a processar seus professores, por qualquer que seja a acusação? “Ele veio com uma camiseta da cor tal, quer dizer que ele é isso ou aquilo, processei!”. Isso que o PSL veio com a bandeira de “lutar contra a violência em sala de aula”. Mas, obviamente, foi mais um ponto que ele não soube dizer o que fará.

O catarina é um povo ruim. Maldoso, racista, preconceituoso, que discrimina, que louva regimes totalitários, elitista, egoísta, individualista, e muito, mas muito, desigual. Ele perpetua com prazer as diferenças e desigualdades. É o coitado do operário que vota em quem o patrão mandar – por medo ou, pior, porque professa a fé dos grandes empresários. Não é só um povo “conservador”, é um povo que promove o mal. Dá vergonha.

18 comentários:

  1. Fahya, você é uma pessoa jovem. Pega suas coisas e vá embora do nosso estado. Faça que nem seu amigo Baço, vá morar na Europa.

    ResponderExcluir
  2. Nem sabia da existência, mas depois fui ver no google imagens a aluna que processou a professora feminista e, olha... ela me presenta!

    ResponderExcluir
  3. Minha esposa é bombeira,e eu trabalho com serviço de Aph(atendimento pré hospitalar SAMU), o qual sou apaixonado. Posso afirmar que existe profundo contato entre SAMU, bombeiros e policiais pois trabalhamos juntos,e se vc não sabe dividimos a mesma central em contato direto, e damos apoio em variás ocorrências da polícia e vice versa. Além disso sinto representado por uma pessoa que faz parte da corporação dos bombeiros e ainda por cima fico orgulhoso de alguém desse meio me representar. E só para desmentir o que vc falou há relação dos bombeiros com polícia e a segurança pública pois fazendo parte do Sistema Nacional de Segurança Pública e Defesa Social, estando subordinado ao Governo do Estado de Santa Catarina, através da Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa do Cidadão os dois serviços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há como desmentir quando não há mentira Mas precisa saber ler.

      Excluir
    2. Primeiro vc insinua que o cara não pode usar o termo comandante, por ser Bombeiro militar? Como assim, o cara é “coronel” de uma instituição com uma hierarquia e organização militar e não pode usar termo comandante por que estaria enganando o povo, sério isso? Certo Mesmo é usar Haddad é Lula, escondendo a mulher lá trás da foto e ainda ser uma militante feminista.
      Dois o cara é mestre em direito,professor e coronel militar pelo corpo de bombeiros, ou seja,é um verdadeiro poste, tem certeza?
      Será que lí errado? veja o que vc escreve:
      “Em várias propagandas tentaram tirar o “comandante” e milhares de pessoas afirmavam que votariam nele porque, sendo comandante, ele entenderia de segurança. Oi? Pois é, qual não foi o choque quando as pessoas descobriram que ele é bombeiro, sem nenhuma relação com Polícia Militar ou Civil. Mas, enfim, desinformação e manipulação são as especialidades deles.”
      O cara é coronel militar vinculado aos bombeiro, sendo que os bombeiros são uma instituição com relação com a segurança pública clara e sendo que a instituição faz parte do sistema nacional de segurança, como havia relatado antes , além de referir por exemplo que os bombeiros e a polícia trabalham intimamente ligadas dando apoio uma a outra, com hierarquias semelhantes, em alguns caso dividindo o mesmo ambiente. Sem falar que o cara mestre em direito. Sim quem deve entender de segurança é vc, ele não poderia entender nada de segurança nem referir que entende , né… pois esta a enganar nós incautos.
      Tudo bem se vc não quiser votar nele, mas o que ví foi apenas ranço.

      Excluir
    3. "Além disso sinto representado por uma pessoa que faz parte da corporação dos bombeiros e ainda por cima fico orgulhoso de alguém desse meio me representar." Sic.

      Fábio, você se sente representado pelo Bombeiro ou pela modinha? Se Moisés fosse candidato pelo PSOL, PTB, PT, PCdoB ou afins, ele seria a mesma pessoa?

      Sou servidor público estadual e até 3 dias antes da eleição, no debate da RBS ficávamos nos perguntando, quem era esse tal Comandante?

      Infelizmente essa eleição do ódio é um deserviço pro brasileiro.

      Parabéns ao governador Pinho Moreira, por pura birrinha de ser preterido pelo partido nas prévias, parcelou o 13º dos servidores e deu um presente de grego para o Mariani.

      Eu visto roupa, não visto moda.

      Excluir
    4. Contra o candidato do Raimundo Colombo votaria até num poste. Mas óbvio que se este poste fosse de esquerda ficaria balançado entre dois tipo de ladrões, qual o ladrão que seria de menor impacto para o estado.
      O fato de ser bombeiros para mim é um adicional, todos bombeiros que conheci do alto escalão sao pessoas exemplares. Levo pra mim um ditado muito útil:" vc é a soma das cinco pessoas que andam contigo."

      Excluir
  4. Fahya, você é uma pessoa jovem. Pega suas coisas e vá embora do nosso estado. Faça que nem seu amigo Baço, vá morar na Europa. CONCORDO e assino com o relator...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exemplo 2 de povo mau
      Amiga do Baço: hahaha.
      Já ouvimos o discurso de "exílio ou "cadeia". Repetido com sucesso

      Excluir
    2. Foi só uma sugestão Fahya. Você pode continuar morando em Joinville mas sem chororô hein.

      Excluir
    3. Mandar alguém embora é algo bem típico de um povo "hospitaleiro" e civilizado, né?

      Excluir
    4. Foi só uma sugestão seu tanso.

      Excluir
  5. “O PT é o partido dos trabalhadores que não trabalham, dos estudantes
    que não estudam e dos intelectuais que não pensam.” (Roberto Campos)

    "O catarina é um povo ruim. Maldoso, racista, preconceituoso, que discrimina, que louva regimes totalitários, elitista, egoísta, individualista, e muito, mas muito, desigual." (Fahya)

    Fahya, "grande" intelectual do C.A.!

    HGW XX/7

    ResponderExcluir
  6. Vocês votaram NELES, por ser modinha. Não por serem graduados. Esperem para ver o que acontecerá. PR, não trabalha. Aos 48 anos aposentado, trabalha? Muitos de vocês eram PR e agora cospem no prato que comeram, rodam com o carro que compraram no governo PR.

    ResponderExcluir
  7. James Douglas Morrison29 de outubro de 2018 11:48

    "O catarina é um povo ruim.[...]é um povo que promove o mal. Dá vergonha."

    Você realmente pensa assim?

    Seus amigos catarinas, as mães, pais e avós deles; os professores que você trocou ideia; seu colega Clóvis Gruner (que é de Jlle) e todas as amizades que você fez em SC ou na colônia Dona Francisca (como você mesma descreve e que agora faz parte, uma vez que trabalha nela) são assim?

    E veja só, no link "autores" deste blog, você se descreve como "catarina de coração".

    Logo, seu coração também é ruim, maldoso, racista, preconceituoso, elitista, egoísta, individualista, etc.

    Raiva e crises de identidade se tratam com horas de divã.
    Fica a dica, experimenta a Psicanálise.

    Lamento te dizer, mas você, é o exemplo 3 de povo mau.

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem